Eu sou EinsteinÚltimas novidades

Clínicas-escolas de Fisioterapia e Odontologia contribuem para formação de excelência

Instituições de Ensino devem disponibilizar clínicas-escolas que ofereçam o melhor treinamento e atendimento em saúde

A demanda por uma formação global de alunos, aprofundada e eficiente, cresce entre as instituições de ensino voltadas à Graduação e Pós-graduação, principalmente na área da saúde. O cenário favorável à aprendizagem prática e teórica é uma premissa que mobiliza cada vez mais o ensino.

Neste cenário, a clínica-escola é um ambiente fundamental para proporcionar aos estudantes o conhecimento e as técnicas necessárias, com o intuito de fornecer os melhores serviços de saúde. As boas práticas engrandecem as ofertas de serviços ao mercado de trabalho com mais qualidade e segurança do atendimento à população.

No local, os atendimentos são realizados por alunos supervisionados por docentes qualificados na área em que o paciente precisa de cuidados.

Apesar de ser um espaço construído com a vocação original voltada ao ensino-aprendizagem, a estrutura e os equipamentos da clínica-escola devem garantir a segurança do aluno e do paciente, possibilitando também o diagnóstico precoce e a prevenção de potenciais enfermidades.

Importância da clínica-escola

Na clínica-escola os alunos dos cursos de saúde aperfeiçoam suas habilidades e desenvolvem novas competências fundamentais para a carreira, com olhar essencialmente direcionado a promover bem-estar e solução dos problemas apresentados por seus pacientes. Como projeto de extensão, esse espaço objetiva ainda:

  • Colaborar com a geração de pesquisa
  • Proporcionar alta performance na preparação dos alunos, disponibilizando condições efetivas para a aquisição de melhor experiência profissional
  • Acolher a comunidade externa que tem dificuldade ou não consegue acesso ao serviço de saúde

Essas finalidades fazem parte da clínica-escola do Ensino Einstein construída para os alunos das Graduações e Pós-graduações nas áreas de Fisioterapia e Odontologia, com a supervisão dos docentes da Faculdade Israelita de Ciências da Saúde Albert Einstein (FICSAE).

Localizado na Vila Mariana, Zona Sul de São Paulo, o prédio de quatro andares foi construído para que os alunos e supervisores possam realizar cerca de 3.300 atendimentos mensais nas duas especialidades. “É uma estrutura equiparada ao nível de serviços particulares, diferenciada também pelos equipamentos com tecnologia de ponta”, orgulha-se a Cirurgiã-Dentista do Hospital Israelita Albert Einstein e Coordenadora da Graduação em Odontologia da FICSAE, Dra. Letícia Bezinelli.

Ela adianta que o ambiente conta com 32 consultórios odontológicos completos, tomógrafo de última geração para os exames de imagem, scanner intraoral, fresadora e outras tecnologias para Odontologia Digital com a praticidade de oferecer soluções protéticas imediatas. “É um espaço inovador dentro do Einstein, vamos conseguir montar mais de 20 especializações nas diversas áreas da Odontologia”, diz ela.

Outro importante fator é o investimento em prevenção. Segundo a Coordenadora da Graduação em Odontologia, é fundamental ensinar e reforçar para a população os comportamentos ligados aos cuidados de higiene bucal. “Teremos um espaço específico para Educação em Saúde Bucal, o escovódromo”.

Com ampla expertise, a Gerente de Ensino Superior de Fisioterapia do Ensino Einstein, a Fisioterapeuta Karina Timenetsky, também tem muito a comemorar. Em sua área, a clínica-escola também abrange os serviços necessários ao melhor tratamento de pacientes, envolvendo especialidades como Pediatria, Neurologia, Ortopedia entre outras áreas.

Ela também ressalta a relevância da tecnologia utilizada. “Nesse espaço trabalhamos com a realidade virtual, telemetria portátil e modernos equipamentos direcionados à reabilitação, oferecendo mais segurança para os exercícios e melhorando o processo de cada tratamento”.

As ações relacionadas à clínica-escola estão intrinsecamente ligadas à responsabilidade social da Instituição. “A clínica tem a previsão de atender os pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS), colaboradores do Einstein e moradores do Residencial Israelita Albert Einstein”, contam elas.

Ganha-ganha

Para os alunos, uma clínica-escola adequadamente estruturada, além de propiciar a aprendizagem exigida, contribui para a formação atualizada sobre o uso de novas tecnologias e equipamentos disponíveis no mercado. “O paciente poderá ter acesso mais rápido quando comparado com o sistema público, além da disposição de serviços ainda não disponíveis de forma gratuita”, comemoram as profissionais.

Cursos Relacionados:

Notícias relacionadas